Michael Campos

Tracking pixel: saiba o que é e como aplicar

Guia de Investimento
Guia de Investimento

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos!

    The Ultimate Managed Hosting Platform

    Compartilhe

    As estratégias de marketing digital são algo que revolucionaram todo o mercado e deram uma nova cara ao jeito de alcançar e impactar o público, entretanto realizar o seu acompanhamento diante de alguns momentos é essencial, e aí que entra o tracking pixel.

    Para que as marcas tenham uma identidade visual facilmente reconhecida e de fato se estabeleçam no mercado, o marketing digital tem grande parcela e conta com recursos únicos para que isso aconteça.

    E é exatamente por isso que hoje, desde uma empresa de treinamento e consultoria a uma empresa de materiais esportivos, dependem do marketing digital para garantir seu crescimento.

    Entretanto, diante de algumas campanhas e ações que são realizadas, muitas vezes perdemos o controle de quantos e-mails foram lidos, o percentual de conversão de cada mensagem ou até mesmo o número e perfil dos visitantes.

    Diante disso, o tracking pixel tem solucionado esses problemas e tem feito com que as empresas consigam ter esse monitoramento à sua disposição, e o melhor de tudo com uma facilidade de uso e custo reduzido.

    Por isso, para que as estratégias de marketing da sua empresa possam ser otimizadas e se tenha um monitoramento preciso em relação aos resultados, utilizar do tracking pixel é algo essencial e totalmente necessário.

    Pensando nisso, hoje iremos falar justamente sobre o tracking pixel, fazendo com que você entenda a sua significação, como ele funciona, qual a diferença entre os cookies e tracking pixel e tudo o que você precisa saber sobre esse recurso fundamental. Vamos lá!

    O que é tracking pixel?

    O tracking pixel é traduzido como pixel de rastreamento, e por mais que ele seja caracterizado como uma ferramenta simples, a sua utilização ajuda a obter métricas relevantes e construir perfis em estratégias de marketing digital.

    Como o próprio nome já diz, o tracking pixel consiste em um pixel ou imagem com resolução de 1×1, ou seja, praticamente insignificante, entretanto ele pode ser introduzido em um corpo de e-mail, website e até mesmo nos comentários de forma invisível e não obstrutiva.

    Assim, ao aplicar o tracking pixel, por exemplo, em um corpo de e-mail sobre um fretamento de aeronaves, toda vez que um computador precisar carregar aquele conteúdo, é capaz coletar métricas importantes sobre o visitante.

    Dentre as informações que podem ser coletadas e são de grande valia, podemos destacar:

    • Horário de leitura;
    • Endereço IP;
    • Localização aproximada;
    • Tipo de dispositivo que está sendo usado.

    Logo, ao ter essas informações à disposição, o seu negócio pode descobrir, por exemplo, um e-mail que foi lido, mas não foi respondido, buscando formas de aprimorar as suas estratégias e garantir o máximo de eficácia em cada momento.

    Vale ressaltar que também é possível ir além, pois algumas plataformas de anúncios disponibilizam seus próprios tracking pixels que monitoram os usuários em dezenas de websites.

    Isso gera um perfil rico em informações para permitir estratégias de marketing cada vez mais refinadas.

    Por isso, ao aplicar o tracking pixel, por exemplo, no e-mail enviado da sua assessoria contábil empresarial, as suas campanhas e anúncios tendem a ser mais impactantes e de fato as estratégias de marketing muito mais precisas.

    Como funciona o tracking pixel?

    Por ser um pequeno elemento digital, como o seu próprio nome já evidencia, ele não chega a ser visível pelos usuários, assim a sua implantação pode ser um recurso importante para garantir uma maior precisão diante das estratégias.

    A ideia principal para realizar o funcionamento desse recurso é utilizá-lo no corpo do e-mail, fazendo com que através da abertura dele já se tenha as informações e alguns dados valiosos diante das estratégias a serem realizadas.

    Assim, ao aplicar o tracking pixel, por exemplo, em um e-mail sobre um registro de logotipo de empresa, se descobre quem lê ou ignora o e-mail, os números de acesso de links e até mesmo as localizações mais relevantes.

    Dessa forma, através da sua aplicação, o tracking pixel garante com que as estratégias em questão venham a ser aplicadas com o máximo de assertividade e se tenha até mesmo uma mensuração em relação aos resultados dos e-mails e informações enviadas.

    Por isso, quanto mais as empresas utilizarem desse recurso, mais assertivo se tornam as suas ações, além de estabelecer um monitoramento valioso para estratégias e anúncios mais impactantes.

    Diferença entre cookies e tracking pixel

    Os cookies já são algo que podemos nos deparar praticamente o tempo todo, desde um acesso a produtos como pneus para automóveis a leitura de uma notícia. Eles estão estabelecidos e são utilizados de forma inteligente para rastrear os usuários e agregar dados.

    Entretanto, por mais que ambos os recursos tenham pontos semelhantes, a principal diferença entre eles é que o navegador do cliente vai armazenar os cookies.

    Assim, ele registra as informações, os dados e até mesmo as preferências do usuário em questão, embora tenha como sua principal desvantagem está somente associado ao computador.

    Logo, ele pode ser excluído com muito mais facilidade. Já quando consideramos o pixel, ele tem a capacidade de rastrear um mesmo usuário independentemente de qual for o dispositivo que ele esteja.

    Dessa forma, por mais que o usuário em questão comece a navegação em um computador, migre para um tablet e depois finalize o acesso em seu smartphone, um tracking pixel é capaz de associar toda essa movimentação ao mesmo usuário.

    Por isso, ao considerar quando alguém lê ou não o e-mail enviado ou até mesmo por qual dispositivo a pessoa está navegando, o tracking pixel tende a proporcionar informações muito mais precisas.

    Com isso, ao identificar, por exemplo, que uma pessoa que acessa seus conteúdos de aplicação de insulfilm espelhado sempre acessa pelo celular, a experiência pode ser voltada totalmente ao mobile, visando justamente ter uma eficácia diante desse anúncio.

    Desse modo, fica claro que quanto mais o tracking pixel for aplicado diante dos seus anúncios e estratégias, mais se tem uma precisão e assertividade em relação aos interesses e acesso do público.

    Como aplicar um tracking pixel?

    A implementação e aplicação de um tracking pixel pode ser realizada em conjunto com uma plataforma de anúncios, como é o caso do Facebook, através da hospedagem por conta própria ou até mesmo utilizando a ferramenta de terceiros com essa funcionalidade.

    Com isso, a maneira mais simples de utilizar esse recurso é requisitar a plataforma de anúncios desejada essa funcionalidade, podendo ter o tracking pixel à sua disposição de uma forma totalmente prática.

    Entretanto, se você está buscando apenas uma forma de rastrear os acessos em sua campanha ou se os e-mails estão sendo lidos ou ignorados, pode ser uma opção mais interessante criar seu próprio tracking pixel.

    Por isso, ao ter o intuito de aplicar esse recurso em uma assistência técnica perícia trabalhista, cabe a você enxergar as necessidades do seu negócio e analisar a opção de aplicar o tracking pixel ou até mesmo criá-lo.

    Como criar seu próprio tracking pixel?

    Por se tratar de uma ferramenta simples e que não reúne uma alta complexibilidade, é possível criar seu próprio pixel através do próprio servidor de hospedagem do seu site ou até mesmo com a contratação de serviços terceiros.

    Ao optar pela contratação de serviços de terceiros, por exemplo, para as suas autoescolas, se tem à sua disposição uma plataforma e painel de controle para tracking pixels, reunindo o máximo de praticidade e precisão.

    Assim, fica claro que existem muitas alternativas acessíveis quando se trata especificamente do uso dos tracking pixel para monitorar a leitura dos e-mails.

    Por isso, por mais que se opte por uma plataforma grátis ou paga, os pixels podem ser valiosos, sendo possível descobrir se as mensagens estão sendo lidas ou ignoradas ou até mesmo monitorar se quem está do outro lado é uma pessoa ou sistema automatizado.

    Dessa forma, é importante que o seu negócio busque alternativas e compare os serviços e custos para escolher a solução que está mais adequada aos seus objetivos e orçamento.

    O tracking pixel é legal no Brasil?

    Para as pessoas que estão em dúvidas da legitimidade dessa técnica, pode ficar tranquilo, os tracking pixels são totalmente legais e podem ser utilizados dentre as estratégias de marketing.

    Entretanto, por mais que essa técnica seja legal, é importante consultar a legislação relevante como a LGPD no Brasil, pois as formas como os dados são coletados podem possuir limitações ou exigir consentimento dos usuários.

    Além disso, vale ressaltar que toda tecnologia depende de um uso ético e colaborativo, por isso é essencial melhorar suas campanhas de marketing ao utilizar dos tracking pixel, mas sempre respeitando a privacidade dos clientes.

    Por isso, ao ter esses pontos à disposição, chegou o momento de aplicar essa técnica, respeitando a privacidade do público e estabelecendo estratégias cada vez mais assertivas e impactantes.

     

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Compartilhe:

    publicidade

    social

    publicidade