Michael Campos

Veja a importância de investir em mobile commerce

Guia de Investimento
Guia de Investimento

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos em primeira mão!

    Compartilhe

    O e-commerce está em constante crescimento e, junto a ele, os dispositivos móveis tiveram um grande crescimento já que são muitas as pessoas que preferem comprar e negociar através deles, tornando o mobile commerce uma realidade para o mundo inteiro.

    Essa estratégia vai muito além de criar um aplicativo e aumentar sua presença na internet, mas sim sobre planejar e desenvolver estratégias que promovam conteúdo e soluções personalizadas e únicas para seus clientes, independentemente de onde ele esteja.

    Portanto, o texto de hoje irá mostrar para você e para sua empresa como é importante investir no mobile commerce, explorando seu conceito, vantagens, benefícios, assim como dicas de aplicação que podem fazer a diferença em seu negócio de aluguel de gerador para festas.

    A era digital é extremamente rápida e dinâmica. São diversas informações, dados, otimizações e interações que acontecem o tempo todo e a sua empresa deve estar atenta e apta a crescer e se desenvolver o máximo possível dentro desse ambiente.

    Quando se pensa em um mundo assim, onde é necessário se adaptar, se torna normal pensar que diversas empresas estão focando seus esforços em desenvolver uma boa experiência para os usuários do mobile, mas isso não é bem verdade.

    Apesar de muitas investirem em layouts para facilitar a navegação no momento que o cliente comprar sua telha metálica tipo sanduíche, muitos param por aí, sendo que é possível pensar em todo um mercado mobile e trazer ainda mais público para o negócio.

    De formas simples e direta, podemos chamar de mobile commerce, ou m-commerce, é um tipo de estratégia digital focado em vendas e negociações através de dispositivos móveis, podendo ser utilizado um aplicativo próprio no processo ou sites da marca.

    O foco é que tais transações sejam finalizadas e concretizadas por tais dispositivos e, independentemente se é uma caneca geek ou um detector de fumaça, é um mercado que hoje é muito grande e que vale totalmente o investimento.

    Com isso em mente, os tópicos a seguir irão reunir diversas informações referentes ao mobile commerce, explorando suas vantagens e benefícios, assim como dicas de aplicação e métodos de avaliação de plataformas mobile. Confira.

    As vantagens do m-commerce

    O mobile commerce, como entendido já, ainda pode ser muito explorado e, dependendo da forma como foi feito, a empresa pode se beneficiar, principalmente se ela souber e buscar as diversas maneiras de usufruir de suas vantagens.

    Portanto, mesmo que o foco da sua empresa seja utilizar dessa estratégia para vender banheira de canto com hidro, alguns dos benefícios que podem ser destacados são:

    • Grande integração da marca com a tecnologia;
    • Empresa mais atenta a possíveis oportunidades;
    • Maior número de vendas;
    • Maior alcance da organização;

    Ou seja, quanto melhor organizar e se planejar frente aos desafios que o mobile commerce oferece, maiores serão os benefícios que o seu negócio conseguirá utilizar a seu favor. Mas para que tudo isso seja funcional, é preciso conhecer muito bem o seu público.

    Isso porque, quando se conhece o público-alvo, a tomada de decisões da sua empresa se torna bem mais simples e, até mesmo saber em como investir e trazer adesivos industriais como produto da sua marca, apesar de ser trabalhoso, recompensará muito.

    Com isso, abaixo, separamos algumas dicas de como aplicar o m-commerce em sua empresa, ajudando inclusive a aproveitar ao máximo todos esses benefícios que mencionamos, além de tornar a estratégia eficiente e adaptável para o seu estilo de negócio.

    01 – Pensa nas formas de pagamento

    Pense que as pessoas que utilizam dispositivos móveis, principalmente no caso de celulares, precisam ter as coisas de forma mais acessível e prática. Preencher diversos formulários pode demorar muito mais do que em um computador, dependendo de quem está preenchendo.

    Quando pensamos no mobile commerce, independentemente se o cliente vai comprar uma camiseta ou contratar um importador de peças para empilhadeiras, quanto menos processos burocráticos e mais fluido for a utilização do aplicativo ou site, melhor.

    Com isso, também é necessário oferecer várias formas de pagamento, principalmente as que oferecem cartões e que são compatíveis com outros aplicativos de banco, facilitando também o processo de compra, algo que se converte em bons resultados para a empresa.

    Em outras palavras, os clientes do m-commerce querem velocidade, praticidade. Ofereça isso para eles.

    02 – Utilize a tecnologia a seu favor

    Desde uma empresa que fornece a prestação de serviços ambientais até as que preferem seguir a linha de serviços administrativos, a tecnologia é uma grande aliada do m-commerce e, o próprio conceito de dispositivos móveis já é algo incrível.

    Isso significa que é muito indicado utilizar softwares e programas que te ajudem tanto a administrar o negócio, quanto a gerar e atrair um maior número de leads, quanto que sejam diretos e eficientes com a coleta de dados e informações.

    Um bom exemplo são alguns softwares que transformam sua loja virtual em um m-commerce, já sendo muito útil e diminuindo alguns dos esforços que seriam desempenhados para criar tudo do zero e conseguir vender sua grade metálica.

    Outro exemplo é a utilização de programas que ajudam a compreender e quantificar a compatibilidade da sua loja com outros dispositivos móveis. As possibilidades são diversas e basta a sua empresa buscar maneiras de conseguir crescer essa presença e ofertar uma boa experiência de compra.

    03 – Faça bom uso das redes sociais

    As redes sociais são muito influentes na vida das pessoas, afinal, elas passam cerca de duas horas e meia ou mais por dia conectadas a elas, seja vendo postagens, stories ou compartilhando fotos. Elas são excelentes formas de atrair público.

    Claro, existem marcas que preferem vender através das redes sociais e, nesses casos, a própria plataforma oferece o que é necessário para o cliente conseguir ter autonomia e comprar aquilo que deseja, além de buscar por produtos diferenciados.

    Porém, a sua empresa também pode utilizá-las para atrair mais público para a sua loja online, criando uma grande rede de contatos e poderoso “ecossistema” que envolve todas as suas redes, plataformas, sites, blogs e clientes.

    O simples fato de sua marca conseguir influenciar as pessoas a algum nível a adquirir seus produtos, seja por causa do atendimento, praticidade e qualidade deles, é extremamente valoroso e vale a pena ser explorado e utilizado a favor da empresa.

    Avaliando um m-commerce

    Desenvolver toda uma plataforma mobile requer um certo planejamento e é preciso saber muito bem o que está sendo feito, por isso, algumas informações podem ser necessárias para que o seu próprio negócio seja crítico com a sua plataforma e busque sempre melhorá-la.

    Um dos critérios de avaliação da sua marca, e que também é a do público, é a leveza, que nada mais é do que o tempo que demora para os produtos e tudo relacionado a plataforma demora para ser carregado. Isso afeta diretamente a experiência do usuário.

    Sem mencionar que é um dos fatores que pode fazer com que a empresa perca poderosos leads e até mesmo clientes que já são fiéis. Portanto, é um critério a ser muito bem pensado e constantemente analisado pelo planejamento da sua empresa.

    Outro ponto a ser discutido é a personalização e os recursos disponíveis para os clientes. A internet está em constante mudança e é preciso se adaptar tanto às ferramentas e funcionalidades que o mobile commerce oferece quanto às necessidades dos seus clientes.

    Portanto, é preciso entender quem é a sua empresa, seu modelo e estratégias de negócios e buscar as melhores ferramentas a partir desse conhecimento. Quanto melhor conhece a sua empresa, os clientes e o mercado, mais sucesso o m-commerce terá.

    Outro detalhe que é muito importante de se investir e que é outro critério de avaliação é a segurança de dados dos clientes. Ninguém gosta de ter os dados vazados e, além da grande indenização que a empresa teria que pagar, seu nome ficaria comprometido.

    Em outras palavras, nenhum cliente iria querer fazer negócio com uma empresa que ficou conhecida por ter dados vazados, ainda mais quando o assunto é m-commerce onde tudo é menos burocrático e mais rápido.

    Considerações Finais

    O texto de hoje mostrou como é importante investir no mobile commerce e como ele tem muito a oferecer para as empresas, além de mostrar algumas vantagens, benefícios, maneiras de aplicar em seu negócio e como avaliar o seu desempenho.

    A praticidade e eficiência desse modelo de negócios certamente é bastante atrativa e são diversas as pessoas que buscam cada vez mais aderir ao mobile, portanto, sua empresa precisa estar preparada para responder a altura.

    Agora que já conhece um pouco mais sobre o assunto, estude o máximo possível para colocar essas ideias em prática, usando as informações disponibilizadas ao longo do texto como guia para se ter uma certa orientação por onde começar.

     

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Compartilhe:

    publicidade

    social

    publicidade