Michael Campos

Planejamento de mídia para redes sociais: quais são os benefícios e como fazer

Guia de Investimento
Guia de Investimento

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos!

    The Ultimate Managed Hosting Platform

    Compartilhe

    Uma das etapas mais importantes para o desenvolvimento de uma estratégia de marketing é contar com um bom planejamento de mídia para redes sociais.

    Sua equipe precisa ir além de só pensar nas ações que serão desenvolvidas e definir suas características, pois esse processo envolve uma série de outros fatores decisivos.

    Somente dessa forma suas ações serão bem-sucedidas e sua empresa vai começar a colher resultados expressivos.

    Como esse planejamento se refere apenas ao ambiente digital, deve incluir o uso de tecnologias, plataformas inteligentes e canais específicos, com cada um demandando uma abordagem exclusiva, com apelos e conteúdos direcionados.

    Neste artigo vamos abordar o planejamento de mídia para as redes sociais, entender suas vantagens, como elaborar seu plano e quais KPIs deve se preocupar.

    Qual a importância de um planejamento de mídia?

    Vivemos em uma era em que as pessoas criam perfis, navegam e interagem em várias redes sociais ao mesmo tempo de forma rápida e simples.

    Criar uma campanha de mídia no cenário atual é muito diferente do que era feito 5 anos atrás, quando era possível concentrar seus esforços e investimentos em um canal principal da marca de sacolas e mochilas personalizadas.

    Hoje existem tantos canais de comunicação que na maioria das vezes fica difícil integrar todos eles na mesma campanha e é daí que surge a necessidade de um planejamento bem pensado.

    Por que é preciso fazer um plano de mídia digital?

    Ter uma estratégia de marketing digital é fundamental para o sucesso das suas iniciativas nesse ambiente, então separamos os principais benefícios para criar um plano de mídia digital para sua empresa. Veja a seguir.

    • Traz mais organização à estratégia

    O fato é que a documentação de processos contribui para o bom funcionamento de qualquer etapa do seu negócio, inclusive o marketing.

    Principalmente por ter que lidar com tantos canais e indicadores de performance diferentes, essa é uma área que pode se confundir se não estiver bem organizada.

    Um bom plano de mídia digital ajuda a estabelecer os meios empregados nas suas campanhas, objetivos e demais estratégias.

    Além disso, o plano de uma empresa de serviço de segurança para festas deve ser de fácil consulta, alinhando toda a equipe ao redor de um mesmo conceito.

    • Ajuda a potencializar seus resultados

    Uma campanha de marketing que não seja devidamente planejada, dificilmente conseguirá alcançar seus objetivos, e isso é bastante prejudicial para a atuação da empresa como um todo.

    É importante que o seu plano de mídia digital considere os objetivos da empresa, e a partir disso os times possam desenvolver as ações necessárias para alcançá-los.

    • Permite dedicar atenção a todas as áreas

    Criando um plano de mídia digital não corre-se o risco de se esquecer deste ou daquele canal de marketing importante.

    Basta que você siga os procedimentos adequados para a elaboração desse documento e ao fim contará com uma estratégia completa que pode ser consultada a qualquer momento.

    • Facilita o seu monitoramento de resultados

    Seja em uma fábrica de caixa de papelão ondulado ou em qualquer outro segmento, uma parte fundamental da condução das campanhas de marketing é o acompanhamento dos seus resultados.

    É preciso monitorar os indicadores certos para obter diagnósticos estratégicos. Esse é um processo que se torna mais fácil com um plano de mídia digital bem definido, onde estarão estabelecidos objetivos e metodologias para alcançá-los.

    Da mesma forma, esse planejamento vai contar com as informações essenciais para um bom monitoramento.

    • Os seus concorrentes já fazem isso

    A mesma regra que vale para sua empresa em que a criação e o desenvolvimento de um plano de mídia é essencial para o bom funcionamento da marca, se aplica também aos seus concorrentes.

    Ao hesitar em estabelecer processos criativos superiores como esse, sua empresa permite que outras aproveitem os benefícios desse tipo de iniciativa e saiam na sua frente na corrida pela preferência do consumidor.

    Passo a passo de como elaborar um plano de mídia

    Visando montar um planejamento de mídia estratégico, é importante começar pelo básico e depois se aprofundar na estratégia. Acompanhe o passo a passo que fizemos para você.

    • Escolha um objetivo

    O primeiro passo para o planejamento de mídias de uma fábrica de ventiladores industriais é ter exatamente em mente qual é o objetivo para a campanha que será veiculada.

    Visando definir o objetivo, é preciso considerar como a campanha deixará sua empresa mais perto de atingir suas metas.

    • Defina os KPIs

    Depois de definir seu objetivo, é preciso especificar como você alcançará esse objetivo com a definição de KPIs, que são indicativos-chave de performance. Eles devem ser acompanhados durante a execução do plano, observando se o objetivo está sendo cumprido.

    • Valide o orçamento

    A concretização do seu plano depende do orçamento, sendo esse um dos pontos mais importante em todo o planejamento.

    Na hora de definir o orçamento você deve conhecer as alternativas de investimento em cada plataforma e pensar em qual seria o valor ideal para que a campanha de brindes personalizados para feiras tenha os resultados esperados.

    • Analise o mercado

    Para definir a melhor estratégia, é fundamental entender muito bem o mercado em que a marca está inserida, assim você pode identificar oportunidades com maior facilidade e ter insights valiosos, evitando erros cometidos por concorrentes, por exemplo.

    Analisando o mercado é mais simples entender qual será o verdadeiro impacto da campanha para o público e em quais canais você pode ter maior destaque.

    • Escolha as redes sociais

    Tendo seu objetivo, KPIs e análise do mercado, fica mais simples escolher em quais redes sociais atuar. Pense onde seu público-alvo costuma interagir mais e quais são suas redes de preferência, além de considerar o cenário que sua empresa se encontra.

    • Crie um calendário de inserção

    Ajudando no acompanhamento dos anúncios veiculados, a criação de um calendário de marketing também pode te ajudar a organizar o cronograma com maior eficácia e de forma mais estratégica.

    Assim como é feito em uma gráfica para impressão de apostilas, sua apresentação visual facilita visualizar toda a abrangência de fatores como:

    • A divulgação;
    • A concentração de esforços;
    • A distribuição de canais;
    • A escolha das KPIs.

    A partir dessa ferramenta será possível olhar para sua campanha de um novo ângulo e obter melhores resultados.

    • Escolha o público

    Fazer a escolha do público é outro aspecto muito importante para o planejamento, pois é preciso entender com quem se está falando para saber onde, como e quando aparecer.

    Processos de segmentação, como os feitos pelo Facebook Ads podem te ajudar a selecionar o público que faz mais sentido para a marca.

    • Acompanhe os resultados

    A última dica é que você nunca deixe de acompanhar os resultados, pois depois de elaborar seu plano é preciso saber se tudo está dando certo. Nesse sentido, as métricas são fundamentais.

    Indicadores que deve analisar no plano de mídia

    Existem alguns indicadores que são fundamentais para serem acompanhados e analisados durante toda a campanha, pois é por meio deles que você tem noção do desempenho da campanha e em quais pontos ela está melhor ou pior.

    • Alcance

    O alcance compreende o público que será impactado pela campanha de sua empresa de terceirização de impressão na rede social. Com um bom alcance você atinge boa parte do público definido na segmentação, conseguindo falar com seu público-alvo.

    • Frequência

    A frequência dos anúncios compreende o número de vezes que o anúncio será exibido para a mesma pessoa.

    Tenha em mente que nem sempre uma frequência alta é um bom sinal, pois dependendo dos seus objetivos é preciso que mais pessoas vejam seu conteúdo em vez dos mesmos usuários o visualizarem constantemente.

    • Impressões

    As impressões são o número de vezes que o anúncio foi exibido aos mesmos usuários, ainda que eles não tenham visualizado. É possível acompanhar as impressões para saber o quanto sua campanha está sendo exibida nos diferentes canais.

    • CPM

    O Custo por Mil (CPM) indica o custo necessário para que a campanha de sua marca de balão de coração metalizado valor tenha mil impressões.

    Atingindo esse número, a marca paga o valor determinado, e quanto mais você investir nesse tipo de lance, maiores as chances de atingir as mil impressões.

    • CPA

    O Custo por Aquisição (CPA) é o custo por conversão da campanha, ou seja, por aquisição de leads. Assim o publisher do anúncio só irá lucrar quando a ação desejada pelos anunciantes é feita pelos visitantes.

    Por isso é um lance considerado de baixo risco para as marcas, pois elas só pagam pelas transações que realizaram seu objetivo. É um modelo recomendado para quem já tem margens de lucro amplas em seus produtos, pois o valor dos anúncios são mais caros.

    • CTR

    O Click Through Rate (CTR), ou taxa de cliques, é uma relação entre cliques e as impressões, sendo um indicador de como o anúncio chama atenção dos usuários.

    Quanto maior for o CTR de um anúncio, maiores os benefícios para a marca, como um melhor rankeamento ou um custo mais baixo no Google Ads.

    Tenha um planejamento de mídia para redes sociais e aproveite os benefícios que listamos neste artigo.

     

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Compartilhe:

    publicidade

    social

    publicidade