Michael Campos

Como fazer um estudo de mercado eficaz

Guia de Investimento
Guia de Investimento

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos em primeira mão!

    Compartilhe

    É impossível ter um parâmetro sobre o contexto em que sua empresa está inserida, sem antes fazer um estudo de mercado. Esse recurso permite que se tenha dimensões reais de diversos fatores externos que indicam se sua marca precisa, ou não, de reformulações.

    Isso porque, um estudo de mercado age diretamente nas suas estratégias de marketing e campanhas publicitárias e esses, sem dúvidas, são setores que trazem clientes para sua empresa e geram rendimento

    Uma empresa que não utiliza esse tipo de pesquisa, muito provavelmente cairá no território da mesmice se comparada aos seus concorrentes. Entender os tipos de estudos de mercado e saber a hora de aplicar cada um, faz com que sua empresa dê um salto de produtividade.

    O que é um estudo de mercado?

    Um estudo de mercado é um conjunto de pesquisas que coleta dados extremamente relevantes para diversos setores da empresa. Ele é quem indica como sua empresa está situada no mercado e quais ajustes devem ser feitos a partir dali.

    Existem inúmeras vantagens em fazer esse tipo de estudo, por exemplo:

    • Melhorar a relação com o cliente;
    • Acertar na tomada de decisão;
    • Entender as carências e tendências do mercado;
    • Conhecer seus concorrentes.

    A relação da sua empresa com o seu público é um dos vínculos que mais precisam se fortalecer. Portanto, procurar entender como age e pensa o seu cliente, faz com que você fortaleça esse relacionamento.

    É muito difícil tomar qualquer decisão dentro de uma empresa sem embasamento. Procure conhecer as particularidades do seu problema antes de tomar qualquer decisão, porque, caso contrário, as consequências poderão tomar conta do seu negócio.

    Saber quais são as carências do mercado, te situam sobre como agir diretamente sobre as necessidades. Além do mais, é de suma importância conhecer as tendências também, por elas ditarem o que está em alta naquele momento, dentro do seu segmento.

    Estudar os concorrentes te ajuda a dimensionar o que está sendo feito no seu setor de atuação a fim de apresentar soluções inovadores, fora do que já é praticado por outras empresas.

    Portanto, um bom estudo de mercado permite que você tenha uma proporção quantitativa e qualitativa sobre o que está funcionando na sua empresa com base em pesquisas, em sua maioria das vezes, externas.

    Conheça os tipos de pesquisas

    Para maior domínio sobre o que acontece no mercado, é de suma importância entender as especificações, para escolher a que melhor se encaixa no seu modelo de negócio. Portanto, confira a seguir algumas das mais comuns pesquisas de mercado:

    Diagnóstico de mercado

    Fazer um diagnóstico de mercado é como se você fosse escanear o setor. O resultado seria um parâmetro sobre os produtos que mais vendem, desafios mais comuns e até sobre o que acontece na vizinhança do seu segmento.

    Esse tipo de análise é utilizado tanto para prevenção, para evitar problemas, quanto para ação, para antecipar o planejamento do que é feito no setor. Portanto, usar o diagnóstico de mercado faz com oque você tenha detalhadamente o que pode ser feito na sua empresa para melhorá-la.

    Exemplo: uma empresa de logística, ao fazer um diagnóstico de mercado, constatou que seu processo de manuseio de produtos é muito mais lento do que o previsto nesse tipo de operação. Por isso, novas práticas foram implementadas para acelerar esse processo.

    Market Share

    O market share é um índice que mede o grau de participação de mercado em que sua empresa está situada. Nele contém a porcentagem de vendas em um recorte de um período, ou também os resultados de determinado setor, também em um recorte específico.

    Para calcular o market share, é necessário ter em mãos o valor total das vendas geradas pela empresa no período selecionado. Após isso, divida esse valor pela receita gerada por todo o setor. O resultado será um indicador que irá mensurar a progressão da sua empresa.

    Exemplo: uma empresa de segurança do trabalho, prevê faturar um valor pré-definido conforme o planejamento anual. Ao fim do ano, eles resolvem fazer um market share, com a finalidade de saber se os valores batem com a proposta inicial para fazerem ajustes.

    Análise de concorrência

    O posicionamento da sua empresa no mercado, é o que torna sua empresa relevante ou irrelevante. Por isso a importância de uma análise de concorrência, pois com o parâmetro sobre como estão as empresas do seu setor, você consegue adaptar seu negócio.

    Nesse modelo de pesquisa, você vai entender como seus concorrentes se organizam, quais são seus planejamentos estratégicos e, principalmente, o que carece na sua concorrência que você pode aplicar no seu empreendimento. Essas informações fazem sua empresa crescer.

    Exemplo: uma financeira percebeu, após uma análise de concorrência, que muitas empresas do setor estavam migrando para um sistema de gestão empresarial mais atualizado do que o utilizado. Após isso, eles resolveram se atualizar quanto aos softwares.

    Teste de produto

    Esse modelo, como o próprio nome já diz, serve para testar algum produto antes do lançamento. A ideia é que se colete informações quanto às impressões dos clientes sobre determinado produto para saber como colocá-lo no mercado.

    Além do mais, essa pesquisa te permite ter uma maior noção sobre produtos similares no mercado e sobre a precificação do produto testado. Esses dados ajudam a traçar uma estratégia de lançamento e podem ajudar a impulsionar as vendas deste produto.

    Exemplo: uma empresa de tecnologia criou um novo mecanismo de impressão digital a laser. Para testar esse produto eles levam a ideia para uma feira de tecnologia e categorizam a avaliação de quem testou a tecnologia. A partir daí, estudam a possibilidade de lançamento.

    Aplique as estratégias com inteligência

    Além das modalidades de pesquisas mencionadas, existem outras várias que podem melhor se encaixar no seu modelo de negócio. Portanto, estude as possibilidades antes de partir para a prática, pois dessa maneira você terá maior eficácia nos seus resultados.

    Entretanto, existem algumas dicas extremamente relevantes que quando aplicadas corretamente podem fazer com que você seja mais assertivo quanto às dimensões do seu negócio. Entre elas, vale destacar:

    Conheça seu público-alvo

    Sua empresa possui um direcionamento, portanto, conhecer a quem ela está direcionada talvez seja um dos passos mais importantes para o sucesso da sua empresa. Estude seu público-alvo, saiba como ele age e pensa quanto ao seu setor.

    Entender o seu cliente em potencial, é extremamente relevante para se montar estratégias específicas para ele. Desse modo, sua empresa será muito melhor segmentada e afunilada quanto às necessidades de um público específico.

    Exemplo: algumas empresas de sistemas financeiros, estão direcionadas para empresas que usam esse tipo de sistemas para organizar suas finanças. Portanto, dada as especificações desse usuário, é importante traçar estratégias específicas para captar esses empresários.

    Classifique seus concorrentes

    Já foi dito por aqui a importância de estudar os concorrentes da sua empresa, mas algo que também te ajuda a ter um parâmetro mais preciso sobre a vizinhança do seu setor, é classificar e ordenar seus concorrentes.

    Identifique os concorrentes que mais se aproximam do que é proposto na sua empresa e classifique-os entre concorrentes diretos e indiretos para, a partir daí, começar a coletar informações de formas específicas para cada modelo.

    Exemplo: uma empresa que presta serviço de automação comercial, coletou informações sobre uma empresa que é uma concorrente indireta, mas só percebeu isso após classificá-la como tal. Após isso, começou a focar a coleta de dados nos concorrentes diretos.

    Apure o mercado-alvo

    Mercado-alvo é o segmento ao qual o seu produto está destinado. Apurá-lo faz com que você consiga ter certa segurança na tomada de decisão para o seu negócio. Geralmente, o mercado-alvo é estudado para elaboração de campanhas de marketing para sua empresa.

    Conheça minuciosamente os detalhes do seu mercado-alvo para que você consiga planejar uma estratégia que condiz com o contexto em que sua empresa está inserida. Além do mais, apure também a regulamentação do mercado-alvo para poder segmentá-lo.

    Exemplo: uma empresa que presta consultoria sobre capital de giro para mei, percebe que seu mercado-alvo é justamente empresas de pequeno porte e microempreendedores individuais. Portanto, suas estratégias de marketing devem ser feitas nesse segmento.  

    Tenha técnicas específicas

    De nada adianta a pesquisa, se você está apurando da mesma forma que todos ao seu redor. O indicativo dos modelos de pesquisa serve para que você faça interações entre eles até chegar numa análise que irá trazer maiores resultados para sua marca.

    Por isso, mescle as modalidades de estudo de mercado para que você seja assertivo em seus diagnósticos, para assim, compreender de forma mais precisa se sua empresa está, ou não, se destacando com relação ao restante do setor.

    Exemplo: um escritório que presta assessoria contábil, não chegou nos resultados previstos somente com o market share. Portanto, viu a necessidade de mesclar os valores do market share com a análise de concorrência, para comparar seus resultados com os concorrentes.

    Os comparativos ajudam na evolução

    Um estudo de mercado eficaz é aquele que proporciona mudanças em prol da melhoria dos setores de sua empresa. Raras vezes não é preciso fazer absolutamente nada em uma empresa, sempre é necessário evoluir mesmo que de forma discreta.

    Pesquisar é antever questões que posteriormente podem se tornar problemas maiores para o seu negócio. Portanto, entenda cada detalhe externo do seu setor e minimize qualquer tipo de adversidade que possa atrapalhar o seu rendimento!

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Compartilhe:

    publicidade

    social

    publicidade