Michael Campos

Aprenda a vender pelo WhatsApp

Guia de Investimento
Guia de Investimento

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos em primeira mão!

    Compartilhe

    Compartilhar no facebook
    Compartilhar no twitter
    Compartilhar no linkedin
    Compartilhar no pinterest
    Compartilhar no tumblr
    Compartilhar no whatsapp

    Vender pelo WhatsApp é hoje uma das grandes oportunidades comerciais para quem se encontra no processo de administrar um negócio, diante das possibilidades trazidas por essa prática, facilitando tanto o contato com o seu público, como suas vendas.

    Isso ocorre diante do crescimento tanto dessa rede de troca de mensagens, como também da própria relação do público com as ferramentas digitais, diante da praticidade que essas plataformas vêm trazendo para suas vidas por meio de diferentes caminhos.

    E entre essas facilidades destacam-se as atividades de cunho comercial, atuando inicialmente no encontro de um produto ou serviço específico, por meio dos canais disponíveis na internet. Mas atualmente esse processo digital chegou a outra etapa.

    Permitindo hoje, por exemplo, que um usuário pesquise na rede sobre avaliação de imoveis valor, diante do seu interesse por avaliação de valores com o objetivo de decorar o seu escritório, e após isso seja possível adquirir tais móveis, comprando-os via internet.

    Com o público cada vez mais familiarizado com as soluções digitais, torna-se responsabilidade do mercado saber como reagir a isso, oferecendo à sua audiência as melhores possibilidades de compra ao posicionar o seu negócio junto ao cenário digital.

    Levando então a um processo de modificação de todo o mercado, no qual as mais diversas empresas passam a disponibilizar os seus produtos e serviços através dos canais virtuais. Em um primeiro passo ampliando sua exposição, e após isso, seu próprio valor de vendas.

    Um movimento que explica a própria facilidade de encontrar os mais diversos tipos de produtos através das redes, desde a importação de um vestido da China, até a compra do mês no supermercado, adquirindo um modelo de essência concentrada para amaciante.

    Mas até mesmo essa relação das empresas com a internet vem se modificando, já que trabalhar com um site de vendas já não é mais visto como algo revolucionário, mas sim como uma necessidade enraizada no comércio como um todo, para o bem do negócio.

    O que de fato vem ganhando um destaque diferenciado nos últimos anos na rede é o papel das redes sociais. Plataformas essas que permitem não só a aproximação de uma empresa com o seu público, mas em alguns casos, até mesmo a realização de uma compra.

    E com as redes ganhando essa relevância específica para o mercado, é importante também ter atenção para uma plataforma em específico. Principalmente se formos analisar a situação do mercado nacional, em busca de melhores soluções comerciais.

    A importância do WhatsApp para o público

    As redes sociais alcançaram uma posição tão relevante para a internet que hoje é possível encontrar as mais variadas possibilidades de plataformas. Existem redes focadas em conteúdos em vídeo, como o YouTube e Instagram, além de profissionais, como LinkedIn.

    E dentro de cada rede em específico ainda é possível formar grupos específicos, reunindo assim um conjunto de informações que estejam alinhadas ao perfil de cada usuários, levando a ele apenas conteúdos que apresentem algo de interesse a eles.

    Isso facilita a vida das empresas que, por meio de um estudo das redes, podem encontrar a plataforma ideal para anunciar seus produtos para um público em específico. Tal como uma empresa de instalações elétricas e hidráulicas focada em eletricistas e profissionais de hidráulica.

    Junto a toda essa diversidade digital, destacam-se também as plataformas focadas em comunicação, como acontece com o Messenger e o WhatsApp. Ambas pertencentes ao grupo Meta, antigo Facebook. Com um foco em especial para a segunda rede citada.

    Ainda mais se pensarmos no mercado brasileiro, onde se estima que 96% dos habitantes do território nacional usam o WhatsApp como sua rede de comunicação de preferência, de acordo com os dados levantados pela empresa de pesquisa de dados Statista em 2021.

    É relevante também destacar a expansão desse aplicativo de mensagens em relação ao mercado global, com o Brasil sendo o 2º maior mercado do WhatsApp no mundo, com um número médio de 120 milhões de contas, ficando atrás apenas da Índia.

    Nesse sentido é fácil atrelar o número de contas à própria densidade popular desses países, contudo o mais impressionante é o fato da maioria dessa população de fato ter se rendido aos serviços da companhia, utilizando-a para as mais diversas atividades.

    Pois diante dessa ampliação do WhatsApp entre os brasileiros, não demorou para que o público nacional percebesse as oportunidades profissionais ali presentes, permitindo que um profissional que atua com o conserto de aquecedores de água divulgue seus serviços.

    Além de outras possibilidades, principalmente para os pequenos comerciantes que usam esse contato digital simplificado como uma plataforma direta de vendas. Chegando assim a uma oportunidade comercial pelo qual grandes empresas e a própria rede formalizaram.

    As vantagens comerciais do WhatsApp

    Diante do amplo uso do aplicativo de mensagens como uma plataforma de vendas, a empresa passou a oferecer melhores soluções nesse sentido, destacando a chegada do WhatsApp Business, lançado em 2018, como um perfil particular para as empresas.

    Uma versão do aplicativo voltada justamente para as atividades de perfil comercial, trabalhando melhor com aplicações como a apresentação de um catálogo, fonte de contato com o público, fora os preços praticados por uma loja de venda de piso para tenda.

    Hoje é possível até mesmo utilizar do WhatsApp não mais como uma plataforma intermediária, mas sim como um próprio modelo de vendas, através da adoção de transferências financeiras a serem realizadas por meio do próprio aplicativo.

    Tudo a resultar em conjunto de vantagens para quem posiciona o seu negócio junto ao WhatsApp, alcançando benefícios como:

    • Maior divulgação;
    • Atração de clientes;
    • Comunicação veloz;
    • Centralização de informações;
    • Acompanhar a jornada de compra do cliente.

    Possibilidades essas capazes de aumentar o poder de vendas de uma companhia, através de um canal de fácil acesso tanto por parte da empresa, como também pelos usuários que essa companhia está em busca de alcançar.

    O que leva a importância de um negócio em saber como adotar corretamente o WhatsApp como uma de suas principais plataformas de venda na internet.

    Como vender pelo WhatsApp

    Por se tratar de um canal de comunicação direta com o público, é importante também saber como usar essa ferramenta de maneira adequada, com o intuito de aumentar os resultados comerciais de um fabricante de isolantes térmicos, ao invés de afastá-lo do público.

    E tais possibilidades podem ser facilmente alcançadas a partir de ações como:

    Oferta de conteúdos interessantes

    Não adianta uma empresa se posicionar na internet se ela não consegue oferecer algo de relevante ao seu público. O mesmo é válido para o WhatsApp, sendo preciso saber definir até o mesmo o diálogo a ser ali usado para criar um contato interessante ao usuário.

    Até pela rede contar também com um canal de publicação de conteúdos, como é o caso do status do WhatsApp, que funciona de forma similar aos stories do Instagram e Facebook.

    Comunicação personalizada

    Outra vantagem dos canais digitais é a possibilidade de personalizar sua comunicação de acordo com as informações recebidas por parte dos seus clientes na internet. É importante adotar isso também no WhatsApp.

    Adotando uma linguagem mais formal quando se trata de uma companhia com tal perfil de público, como uma empresa de barreira acústica, enquanto um negócio mais jovial, como uma loja de roupas ao público adolescente deve usar uma comunicação mais leve.

    Opte por listas de transmissão

    Quando se pensa em falar com um número amplo de pessoas no WhatsApp, é fácil pensar na questão dos grupos. Contudo, quando se trata de um perfil comercial, o mais indicado é trabalhar com as listas de transmissão.

    Aplicação que permite que uma mensagem seja compartilhada com diversos usuários ao mesmo tempo, sendo preciso ter apenas um banco de dados, como uma lista de contatos. Além desses registros é indicado atuar também com um banco de imagens.

    Opte pelo WhatsApp Web

    O aplicativo para celular pode ser prático aos usuários, mas para quem está no lado comercial, o mais indicado é o uso do WhatsApp Web, permitindo com que uma empresa possa controlar melhor seu contato com diversos usuários em uma companhia.

    Esteja atento ao tempo de resposta

    Se o WhatsApp se destaca por sua facilidade e agilidade, não é recomendado para um negócio demorar muito tempo para responder o seu público.

    Como um usuário que se conecta com uma empresa de adequação de máquinas e equipamentos em busca de informações como um orçamento para tal tipo de serviço para sua fábrica. Uma demora em respondê-lo pode significar às vezes a perda de um cliente.

    Com tais dicas, o uso do WhatsApp como uma ferramenta comercial pode deixar de ser uma simples alternativa, tornando-o em um dos principais canais de vendas a serem usados por uma empresa, fazendo ela alcançar melhores resultados.

    Ainda mais se o seu uso estiver alinhado a gatilhos mentais ou outros programas digitais, como uma plataforma de CRM, criada justamente para se ter um melhor gerência sobre os clientes de uma companhia, criando uma relação vantajosa tanto ao público como à companhia.

     

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Compartilhe:
    Compartilhar no facebook
    Compartilhar no twitter
    Compartilhar no linkedin
    Compartilhar no pinterest
    Compartilhar no tumblr
    Compartilhar no whatsapp

    publicidade

    social

    publicidade