Michael Campos

A evolução dos serviços Cloud Computing e suas vantagens

Guia de Investimento
Guia de Investimento

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos em primeira mão!

    Compartilhe

    A tecnologia e os avanços científicos no armazenamento de dados mantém o Cloud Computing no topo das tendências.

    Esse conceito, que pode ser traduzido como Computação em Nuvem, é um serviço de computação baseado em rede que permite o acesso a dados, softwares ou ambientes compartilhados, em qualquer dispositivo, bastando o acesso à internet.

    Essa solução para os grandes equipamentos que eram utilizados para estruturar os servidores de dados, é composta por um sistema que conecta uma série de servidores remotamente, funcionando como um só dispositivo amplo.

    Dessa forma, o acesso, o processamento e a capacidade de memória não ficam restritos a um único dispositivo, bastando o acesso à sua conta pessoal ou empresarial, via conexão por internet, com total simplicidade, praticidade e segurança.

    Solucionando uma série de limitações ao permitir o uso de recursos computacionais compartilhados pelas empresas de organização de eventos e as demais organizações, ou por pessoas físicas, como estudantes, os serviços cloud transformaram o cenário digital.

    Confira a seguir um resumo da história dessa tecnologia, desde as primeiras propostas em 1950 até o contexto atual, assim como suas vantagens e tipos.

    Entenda como tudo começou

    A história dos serviços cloud começa nos Estados Unidos, em 1950, quando os computadores ainda eram gigantescos e extremamente caros, deixando o acesso apenas para grandes organizações. 

    Então, para suprir suas necessidades, as grandes organizações, principalmente do modelo B2B, como uma empresa de calibração, por exemplo, começaram a investir em mais máquinas. 

    Com um sistema centralizado em um computador mainframe, os usuários podiam acessar informações a partir de estações conectadas a ele, sem capacidade de processamento próprio, e esse foi o ponto de partida.  

    Em 1955, John McCarthy iniciou as teorias de compartilhamento de serviços, com ideias inovadoras, como disponibilizar o tempo das máquinas de uma corporação para empresas menores que não tinham recursos para investir em um mainframe próprio. 

    Na década de 60, JCR Licklider propôs a ideia de um sistema interconectado de computadores, e eis que surge a Arpanet (Advanced Research Projects Agency Network), projetada por Bob Taylor e Larry Roberts.

    Ela permitia compartilhar fontes digitais entre computadores em ambientes físicos distintos, e então, as bases da internet estavam criadas.  

    Entre 1970 e 1990, ocorreram diversos avanços tecnológicos consecutivos que permitiram a estruturação da rede como conhecemos, até mesmo em hospedagem de sites, entre outros serviços. Esse foi um período de avanços que atingiram os mais diversos setores da indústria, de produção e de mercado.

    Facilitando a vida das pessoas e trazendo diversos benefícios para a sociedade até nos dias de hoje. 

    Por exemplo, com novas tecnologias para divisórias com isolamento acústico e térmico, para citarmos o setor da construção civil, sempre proeminente. 

    Os avanços após os anos 2000

    O avanço foi rápido e a partir de 2010 já havia um significativo número de ofertas de tecnologia cloud, e gigantes da tecnologia lançavam seus servidores para o modelo em nuvem.

    Em 2013 a demanda deu início à arquitetura de contêineres em nuvem, para  gerenciar o uso de vários provedores, e hoje essa tecnologia já é utilizada por metade das empresas atuantes. 

    Em 2015 o backup em nuvem se mostrou uma solução frente às constantes ameaças de cibercriminosos, permitindo a recuperação de ataques e a continuidade dos negócios, assim como a tecnologia VPN, que agregou muita segurança aos serviços cloud.

    Assim, quanto mais o tempo passa melhor serão os avanços. 

    Os serviços cloud nos dias atuais

    Atualmente os serviços cloud estão presentes em nosso dia a dia, fazendo parte da nossa rotina, seja para trabalho ou lazer. 

    A tendência de 2021 entre as empresas são as nuvens híbridas, que trazem maior flexibilidade para as estratégias de TI, entre outros benefícios. Falaremos das tipologias adiante.

    Vantagens e benefícios

    Os serviços cloud estão presentes, até mesmo, nos novos eletrodomésticos e soluções, como em uma catraca para academia, e possibilitam diversas comodidades e facilidades para todos que usufruem destes serviços e produtos. Entre suas principais vantagens podemos frisar:

    • Segurança;
    • Backup e recuperação de dados;
    • Confiabilidade;
    • Mobilidade;
    • Acesso fácil às informações;
    • Economia;
    • Escalabilidade: crescimento e armazenamento ilimitado;
    • Agilidade;
    • Inovação. 

    Possivelmente se perguntar para os mais jovens, não há uma concepção de um mundo sem essa tecnologia.

    Conheça os tipos de serviços cloud 

    A tecnologia cloud conta com três tipologias: a pública, a privada e a híbrida, também conhecida como multicloud.

    Na public cloud, os provedores de serviços, como o Google Cloud Platform, disponibilizam recursos e serviços para seus clientes de forma terceirizada.

    Uma private cloud fornece recursos muito parecidos, mas o gerenciamento ocorre pela própria organização, ou por terceiros contratados para essa finalidade, de forma a mitigar problemas de segurança e garantir a infraestrutura necessária.

    E a hybrid cloud é a combinação das anteriores, mas sem a necessidade de servidores diferentes, possibilitando o uso de infraestrutura personalizada e de vários serviços em uma única arquitetura heterogênea. 

    Conclusão

    Ainda existem desafios, mas a cloud computing é uma solução vantajosa para as demandas atuais. Os avanços continuam e os próximos anos prometem mais implementações para expandir ainda mais sua aplicação e eficiência.

    Então quanto mais uma empresa se empenhar e investir em tecnologia melhor será a sua posição perante o mercado e o consumidor.

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Compartilhe:

    publicidade

    social

    publicidade